Blog

Teste de Recuperabilidade de Ativos – Informações Essenciais para a sua Empresa

Teste de Recuperabilidade

Você já ouviu falar no teste de recuperabilidade de ativos? Se não, continue a leitura pois trata-se de um assunto muito importante para empresas de todos os portes. O objetivo deste teste é apontar com prudência qual será o valor real líquido da realização de um ativo. Dessa forma, essa ação pode acontecer de forma direta ou indireta por meio de venda ou utilização nas atividades.

Em resumo, o teste de recuperabilidade tem como propósito evitar que um ativo seja registrado com um valor maior que o valor recuperável. Ou seja, ele verifica se o ativo em questão não está sendo desvalorizado em relação ao seu valor real. Na maior parte dos casos, isso ocorre quando o valor registrado é maior do que o valor recuperável pela venda e pelo uso.

Quer entender melhor sobre o assunto? Vamos lá e boa leitura!

Quem deve realizar o teste de recuperabilidade

Como mencionamos acima, todas empresas devem realizar esse teste. Não à toa, ele é obrigatório desde 2008. Ademais, o resultado só é contabilizado caso o valor recuperável estiver inferior ao valor apontado. Se for superior ao que estiver contabilizado, permanecerá a quantia registrada.

A proposta é que a empresa deve avaliar e realizar o teste, no mínimo, ao final de cada exercício social, sempre checando se há algum ativo que possa ter sofrido desvalorização. Caso tenha uma decaída, é necessário estimar o valor recuperável desse ativo por meio do teste de recuperabilidade. Contudo, mesmo se não houver indicação de redução no valor, a empresa ainda deve realizar:

  • Fazer o teste, no mínimo anualmente, verificando se há redução do ativo recuperável com vida útil ou um ativo ainda não disponível para uso;
  • Comparar seu valor contábil com o recuperável.

Periodicidade do teste

O teste pode ser realizado a qualquer momento dentro do período de um ano. Contudo, reforçamos que ele precisa ser feito anualmente e dentro do mesmo período. Ativos intangíveis diferentes podem ter o valor recuperável testado em períodos distintos, mas se eles estiverem inicialmente reconhecidos pelo ano correto, devem ter sua redução ao valor recuperável executada pelo teste antes de terminar o ano corrente.

Por que o Teste de Recuperabilidade é tão importante?

O teste de recuperabilidade de ativos evita prejuízos para a sua empresa ao mostrar se um ativo está com valor maior do que o recuperável. É importante, também, visto que não serão aceitos no balanço patrimonial os ativos que estejam com o valor superior ao que se é capaz de produzir em caixa líquido para empresa. Isso quer dizer que o valor ativo deve ser representado pela quantia que poderá ser transformado em dinheiro.

Para evitar confusão a melhor opção é contar com suporte de uma contabilidade

Acompanhar toda essa burocracia da legislação brasileira não é uma tarefa simples. Portanto, invista em uma contabilidade com experiência comprovada e que está pronta para ajudar no crescimento da sua empresa.

Com mais de 20 anos no mercado, nós da Meccah Contabilidade e Auditoria somos a solução que você precisa. O nosso objetivo é prestar um serviço ágil e de máxima qualidade, dispondo de tecnologia de ponta e uma equipe de profissionais constantemente atualizada com a legislação brasileira.

Entre em contato, fale com um dos nossos especialistas e vamos juntos cuidar da sua empresa.

Por fim, se gostou do nosso artigo sobre o instrumentos financeiros, compartilhe com seus amigos. Caso tenha alguma dúvida, deixe nos comentários.

Nos vemos no próximo conteúdo!